Do que as mulheres gostam e o que as mulheres querem

by - 23:26


Duas perguntas clássicas que rondam a cabeça da humanidade desde que o homo virou sapiens e se deu conta de que tinha neurônios e era capaz de pensar. Afinal, do que as mulheres gostam e o que elas querem? Ninguém até hoje foi capaz de responder com assertividade esta questão até porque, ela é um tanto quanto subjetiva e pode variar de mulher pra mulher. Freud, o pai da psicanálise, morreu sem nem ao menos chegar perto de uma resposta mais ou menos padrão.


Então, pra ilustrar o quão subjetiva é a mente feminina, vou contar aqui a história de uma conhecida.  Faz mais de 1 ano que ela não tem namorado porque brigou com o último, um bipolar quase psicopata, via SMS. Aliás, a maneira como eles resumiram o fim de 2 anos de relacionamento em meia dúzia de caracteres me surpreendeu pela frieza e desprendimento. O fato é que depois de ter terminado com o pseudo-psicopata ela não se envolveu mais por muito tempo com outros caras. Ficou com alguns, se apaixonou por um sujeito que mora longe com quem sonha em casar e procriar um dia, embora não tenha contato nenhum com ele, e vive reclamando que gostaria muito de ter um amor pra chamar de seu. Seu sonho é casar e ter filhos e ela só vai se sentir realmente realizada na vida o dia que conseguir fazer isso.




Daí em mais uma noite de sábado andando pela noite, eis que um cara se interessou por ela. Papo vai, papo vem, e acabaram ficando. E o cara se interessou mesmo, pegou o telefone dela e ligou na mesma hora pra saber se ela por acaso não tava mentindo o número, como muitas mulheres costumam fazer quando querem se livrar de um mala. No dia seguinte o cara ligou e combinaram de jantar fora. Ele foi buscá-la em casa, outro sonho de vida que ela tem além de casar e procriar (isso porque seus últimos namorados não sabiam dirigir e ela era obrigada a bancar a motorista). Pelo o que ela me contou no dia seguinte, o cara é gente boa, tem a mesma idade que ela, é carinhoso, interessado. Chamou  pra jantar na casa dele no final de semana e ela, temerosa de ter que transar no terceiro encontro (!!!!!!), foi.  E me contou que a janta foi boa, mas que umas coisinhas a irritaram no jeito do cara: que ele ficava beijando e fazendo carinho nela em demasia, que ele gosta de beber e que ele provava o macarrão com o garfo e não lavava quando ia provar de novo.




Daí ouvindo todos os poréns dela em relação ao cara, que até então me parece ótimo,  eu volto pra pergunta lá do começo: afinal de contas, do que as mulheres gostam e que porra elas querem? Se o cara trata mal, é porque trata mal. Se o cara trata bem, é carinhoso, daí ele é pegajoso. Se o cara bebe demais, é porque é um alcóolatra. Se não bebe,  só pode ser um chato. Se quer te comer na primeira noite, é apressado demais. Se só decide te levar pra cama no quinto encontro, tem alguma coisa errada aí. Putaquepariu, que ta difícil de agradar e ser agradada hoje em dia, hein?! E com tanta exigência e tanto "mas", as mulheres ainda querem viver no cenário do conto de fadas ou da propaganda de margarina. Não, né?




Mulherada, caso vocês ainda não saibam, o príncipe encantado, aquele do cavalo branco, não existe na vida real, tá? E se existe, ta bem fantasiado de sapo. Você vai ter que ter paciência pra despi-lo dessa fantasia. Cristian Grey, o bilionário jovem, bonito e tarado dos livros da E.L. James que vocês adoram ler também não existe aqui nesse mundo de concreto. E se existe, pode crer que ja casou ou é gay. Então, querida amiga, pare de sonhar, ponha os pés no chão, reveja sua lista de exigências e deixe de arranjar tanta desculpa pra não curtir os caras legais que aparecem na sua vida. Foque naquilo que eles tem de bom e faça vista grossa pros pequenos defeitos. Ou então, se preferir, fiquei sozinha e infeliz pra sempre. Só não venha reclamar pra mim depois, tá?




Veja mais Posts

1 comentários

  1. ... Não esqueçam que não são só os homens que têm defeitos. :)

    ResponderExcluir